Desenvolvendo a habilidade de escuta

escuta

A vida acelerada cotidiana nos faz buscar sempre respostas rápidas, soluções instantâneas para todas as situações e nesta busca desenfreada por soluções para as nossas demandas e também para demandas de terceiros, não deixamos espaço para a escuta. Temos preocupações constantes que não querem calar. A mente tagarela dispara a todo instante e isso interfere no estabelecimento da nossa relação com o outro. Como isto acontece?

Pare para se observar em situações de diálogo, que na verdade parecem mais monólogos. Cada um argumentando e defendendo arduamente o seu ponto de vista, defendemos as nossas verdades, mas pouco ouvimos o outro. Para ouvir precisamos deixar um espaço aberto em nossas mentes, um espaço de silêncio para receber o novo.

Perceba-se numa situação de escuta. Preste atenção como é o seu comportamento. Você está realmente escutando ou está fazendo análises sobre o que é dito? Levantando julgamentos sobre a fala do outro e já ensaiando a resposta certa para contra argumentar? Na maioria das vezes é isto que fazemos. Estamos imbuídos nos nossos próprios pensamentos fazendo as nossas elaborações para oferecermos respostas certeiras e instantâneas.

O que significa escutar? Segundo o dicionário é: “estar consciente do que está ouvindo” ou “ficar atento para ouvir; dar atenção a”. Quer entender isto na prática? Tente escutar sem interferir, apenas escutar sem dizer se concorda ou discorda, sem dar a sua opinião a respeito, sem querer alterar o conceito trazido pelo outro. Simplesmente escutar. Muitas vezes até ouvimos, mas não escutamos nada….

A escuta é uma habilidade refinada e que precisamos desenvolver com mais cuidado. Para escutar o outro, preciso fazer isto comigo antes. O que digo a mim mesmo? O que o meu corpo, as minhas sensações, os meus sentimentos, querem me dizer a todo instante? Estou atento às minhas reais necessidades ou estou querendo apenas atender a expectativa do mundo externo? Depois que estabeleço essa escuta pessoal, interna, fica mais fácil escutar o que vem de fora e dar um espaço para aquilo que é novo, que pode agregar e me abrir novas possibilidades!

Você já teve a sensação de estar falando sozinho quando está conversando com alguém? É justamente por que o outro não está dando espaço para a escuta atenta e amorosa. Fazemos isto com os outros também e muitas vezes nem percebemos… Sempre que escutar alguém tenha a certeza interna de que aquela pessoa deixa algo de valioso em você, escute de verdade, mesmo que as suas convicções sejam contrárias às do outro, agradeça a contribuição que ela deixou e siga cada vez mais engrandecido com tudo que recebeu!

Podemos exercitar esta habilidade com as crianças em sala? Como? Reserve momentos para que eles possam trabalhar isto. Em duplas proponha que um fale e o outro apenas escute, sem interferir, inicialmente por alguns minutos e qdo essa capacidade for se ampliando, aumente também o tempo de interação, depois inverta os papéis, o que estava na escuta passa a falar e vice-versa.  Nesta simples atividade estaremos desenvolvendo a oralidade de quem está narrando o fato, a habilidade de escuta de quem está ouvindo e ainda criando espaço para o estabelecimento de relações saudáveis e equilibradas. Reserve estes momentos com mais frequência na sua sala de aula e perceba que gradualmente a conversa paralela e excessiva em momentos inadequados vai reduzindo pois eles já têm espaço para a troca harmônica e significativa em momentos mais oportunos.

Outra questão importante é: como está a minha escuta enquanto professor? Reflita a respeito…

Fica a dica: desenvolva a sua capacidade de escuta e estimule esta habilidade com seus alunos. Perceba que a qualidade das relações vai melhorar e consequentemente uma porção de situações conflituosas serão evitadas pelo simples fato de todos serem oportunizados a se expressar, ouvir e serem ouvidos!

Confiança Quântica!

Andréa Wolney

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

©2018 Todos os direitos reservados para Pedagogia Quântica.

Desenvolvido por BSB Connect.

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?